Academia ou cachorro: o último pode tazer mais saúde dizem estudos

Se você é do tipo que sempre pensa em começar uma rotina saudável de corridas, aeróbica e musculação na academia mas acaba deixando para depois, saiba que há um jeito mais estimulante, divertido e até mais eficaz de fazer exercício: levar o cachorro para passear. Pelo menos é o que sugere um estudo feito na Grã Bretanha com 5 mil pessoas, dentre elas 3 mil donos de cachorros, publicado no site jornalístico Telegraph.

A conclusão é baseada no tempo gasto para cada atividade. Levando-se em conta que os passeios caninos são feitos duas vezes ao dia, com média de 24 minutos de duração, mais três passeios mais longos por semana, num total de 2h e 33 min, pode-se dizer que quem acompanha os cães durante as caminhadas faz em torno de 8 horas de exercício por semana.

Por outro lado, os outros entrevistados gastam apenas 1h e 20 min por semana com exercícios em academia ou ao ar livre – sendo que 47% dos quenão possuem cachorros admitiram não fazer qualquer tipo de exercício.

De acordo com o Telegraph, a diferença não é só o tempo gasto, mas também no prazer que a atividade gera. Apenas 22% dos que têm cachorro sentem que as caminhadas são uma obrigação e não um lazer, enquanto 70% dos que fazem academia consideram essa rotina uma tarefa.

Isso se reflete no comprometimento de cada um: mesmo com o tempo apertado, 60% dos donos de cães acham uma brecha para levar seus companheiros para passear. No entanto, 46% dos frequentadores de academia costumam achar “desculpas” para faltar às aulas.

 


Fonte: Terra Saúde

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*