Alcoolismo em mulheres

Muitas vezes ignorado, o alcoolismo é um vício e uma doença que atinge meio bilhão de pessoas ao longo do mundo. A distinção entre o uso aceitável e a dependência do álcool não é nítida, é variável entre as diversas culturas e grupos sociais. Muitas só descobrem que são alcoólatras quando o álcool já provocou um enorme estrago em suas vidas.  E o tratamento do alcoolismo é difícil com frequentes recaídas.

A mulher sofre graves problemas quando se torna uma alcoólatra, com problemas que podem ir de osteoporose ao câncer. Os problemas relacionados ao alcoolismo ocorrem, em média, por volta dos quarenta anos. São a conseqüência do hábito de beber iniciado muitos anos antes, na maioria das vezes durante a adolescência. Em geral se verifica que a alcoólatra começa a se habituar através do etilismo social, no qual ela tanto encontra alívio das tensões usuais da sua vida quanto descobre que suas tensões internas podem ser neutralizadas pela ingestão de bebidas alcoólicas.

Com o decorrer do tempo ela se torna cada vez mais dependente da bebida como um meio de reduzir a ansiedade.

O vídeo abaixo aborda a questão do alcoolismo feminino, as consequências e as possibilidades de tratamento. Vale a pena conferir !

 

Alcoolismo feminino

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*