Anabolizantes, se vai usar conheça-os bem

Os esteróides androgênicos anabólicos (EAA ou AAS – do inglês Anabolic Androgenic Steroids), também conhecidos simplesmente como anabolizantes, são uma classe de hormônios esteróides naturais e sintéticos que promovem o crescimento celular e a sua divisão, resultando no desenvolvimento de diversos tipos de tecidos, especialmente o muscular e ósseo.

São substâncias geralmente derivadas do hormônio sexual masculino, a testosterona, e podem ser administradas principalmente por via oral ou injetável.

Os diferentes esteróides androgênicos anabólicos têm combinações variadas de propriedades androgênicas e anabólicas.

Anabolismo é o processo metabólico que constrói moléculas maiores a partir de outras menores, e catabolismo à parte do metabolismo que se refere à assimilação ou processamento da matéria adquirida para fins de obtenção de energia.

O que é andrógeno

Andrógeno é o termo genérico para qualquer composto natural ou sintético, geralmente um hormônio esteróide, que estimula ou controla o desenvolvimento e manutenção das características masculinas em vertebrados ao ligar-se a receptores andrógenos. Isso inclui a atividade dos órgãos sexuais masculinos acessórios e o desenvolvimento de características sexuais secundárias masculinas.

Os andrógenos, que foram descobertos em 1936, também são chamados de hormônios androgênicos ou testóides. Os andrógenos também são os esteróides anabólicos originais. Eles também são precursores de todos os estrógenos, os hormônios sexuais femininos. O primeiro e mais bem conhecido andrógeno é a testosterona.

Tipos de Andrógenicos

Testosterona

Testosterona é um hormônio esteróide produzido, tanto nos Homens quanto nas Mulheres.Nos homens pelos testículos (os quais também produzem espermatozóides e uma série de outros hormônios que controlam o desenvolvimento normal e funcionamento), nos indivíduos do sexo feminino, pelos ovários, e, em pequena quantidade em ambos, também pelas glândulas supra-renais. Vale ressaltar que a síntese da testosterona é estimulada pela ação do LH (hormônio luteinizante), que por sua vez é produzido pela pituitária anterior (adenohipófise ou simplesmente hipófise).

A testosterona é responsável pelo desenvolvimento e manutenção das características masculinas normais, sendo também importante para a função sexual normal e o desempenho sexual. Apesar de ser encontrada em ambos os sexos, em média, o organismo de um adulto do sexo masculino produz cerca de vinte a trinta vezes mais a quantidade de testosterona que o organismo de um adulto do sexo feminino, tendo assim um papel determinante na diferenciação dos sexos na espécie humana.
Além disso pode-se destacar o uso da testosterona em relação ao aumento da libido e aumento da agressividade.

Dehidroepiandrosterona

A dehidroepiandrosterona (DHEA) é um um prohormônio esteróide produzido a partir do colesterol pelas glândulas adrenais, gônadas, tecido adiposo, cérebro e pele (por um mecanismo autócrino). A DHEA é o precursor da androstenediona, testosterona e estrógeno. É o hormônio mais abundante do corpo humano.

Normalmente é indicado para pessoas com deficiência na produção natural da Testosterona. Quando suplementado, oferece um ganho de massa muscular e um aumento na oxidação da gordura.

Considerado doping quando a testosterona se eleva acima de um padrão determinado

Androstenediona

Androstenediona (também conhecida como 4-androstenediona) é um hormônio esteróide de 19-carbonos produzido nas glândulas supra-renais e nas gônadas, como um passo intermediário na via que metabólica que produz o andrógeno testosterona e os estrógenos estrona e estradiol.

É útil no monitoramento da evolução funcional das glândulas e na avaliação do hiperandrogenismo (hirsutismo de qualquer etiologia, acne, etc), suspeitas de adenoma, carcinoma do córtex adrenal, no acompanhamento da hiperplasia congênita de supra-renal, tumores virilizantes de supra-renal e ovário.

Os níveis de androstenediona podem oscilar por vários motivos, podendo apresentar-se elevado em obesos, fumantes, pós-prandial, exercícios e gravidez e apresentar-se baixo em idosos, moléstias crônicas nas crianças com picos maiores na puberdade.

Dihidrotestosterona (DHT)

A Dihidrotestosterona (DHT) (Nome completo: 5α-Dihidrotestosterona, abreviado para 5α-DHT; INN: androstanolona) é um metabólito biologicamente ativo do hormônio testosterona, formado principalmente na próstata, testículos, folículos capilares e glândulas adrenais pela enzima 5α-redutase através da redução da ligação dupla 4,5. A dihidrotestosterona pertence à classe dos componentes chamados andrógenos, também geralmente chamados de hormônios androgênicos. A DHT é cerca de 30 vezes mais potente que a testosterona devido à sua afinidade aumentada pelo receptor de andrógenos.

O que é a MV (meia vida) das drogas e qual sua importância?

A MV (meia vida) das drogas é o tempo necessário para que metade da droga ministrada seja metabolizada pelo corpo. Supondo que um usuário esteja usando o stanozolol com a MV de 9 horas, a partir desse tempo estimado pela mv da droga, a sua concentração no sangue se encontra pela metade, não obtendo a sua maior eficiência.Agora existem diferentes mvs para diferentes drogas.

Por isso existem remédios para tomar de 6 em 6 horas, 8 em 8, 12 em 12, até mesmo 24 em 24 horas? Isso se dá pela diferença das mv das drogas.

É de extrema importância que o usuário mantenha em seu sangue sempre as concentrações constantes, então a cada vez que você toma mais um comprimido ou injeta a droga, você está renovando “a força máxima” da droga.

O que é Aromatização?

Aromotização é a conversão de androstenediona e testosterona em estronas e estrogênio pela enzima aromatase.A aromatização no corpo é normal, aproximadamente numa escala de 3 a 7% de testosterona no corpo é aromatizada. Agora quando se fazem o uso de anabolizantes que podem ser convertidos pela aromatase, pode ocorrer um dos efeitos colaterais mais temidos por todos os atletas a “Ginecomastia” , porque quanto maior a conversão de estrogênio maior a chance de ginecomastia, porque o estrogênio é um hormônio predominante feminino. Explicando mais na prática o corpo humano produz de 10 a 20mg de testosterona por dia certo?

Vamos fazer o cálculo usando um homem que produz 20mg de testosterona por dia.

Aromatização sem uso de AE.

20mg 3% aromatização = 0,6

Aromatização com o uso da Durateston ( 250mg de testo por ml)

250mg 3% de aromatização = 7,5

4 thoughts on “Anabolizantes, se vai usar conheça-os bem

  1. Prezados senhores, bom dia!

    Tenho plena consciência do que estou fazendo e inclusive sou enfermeira e eu mesma que aplico o anabolizante! Faço dieta corretamente e prendendo agendar uma consulta com endo. Preciso se possível que os senhores me passam uma dieta para quem faz uso de anabolizante.

    No aguardo retorno.

    Katia

  2. Ola!! Tenho urgencia em perder peso, que se encontra localizado no abdomem. Lutei alguns anos e pesava 59kg, hoje 10 anos depois peso 90kg, sei que parei com rotina de exercício, mas hoje necessito de uma atividade e resolvi voltar a caminhar. Pergunto: das sustancias mencionadas acimas, qual delas poderia acelerar o processo de queima de gordura e onde ou qual produto posso adquirir para ter esse resultado???

  3. quero saber que tomar para emagrecer e definir meu corpo deixa-lo mas feminino e com curvas asentuadas,porfavor me respondam estou mto deprimida com meu estado fisico peso 85kg antes pesava 62 e me sentia uma orca imaginem agora?estou a beira de um suicidio ja tentei de tudo gente nao é falta de vontade e esforço,meu trabalho exige mto da minha aparencia e me sinto uma et no meu trabalho preciso de mta ajuda espero que possam me ajudar desde de ja agradeço!

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*