Dietas para perder peso: a dieta do mediterrâneo

Se você procura uma dieta para reduzir aqueles quilos que foram acumulados ao longo de muitos anos, a dieta do mediterrâneo provavelmente é a mais indicada para você. Um estudo divulgado recentemente aponta a eficácia desta dieta para reduzir o ganho de peso comum ao passar dos anos, principalmente em pessoas que têm tendência a engordar. A pesquisa foi realizada em parceria entre a Universidade Navarra, da Espanha, e pela americana Harvard University.

Os pesquisadores analisaram mais de 10 mil voluntários com 38 anos durante seis anos, comparando aqueles que seguiram fielmente a dieta mediterrânea com aqueles que mantinham outros hábitos alimentares.

Os participantes que ganharam mais de três quilos ao longo dos cinco anos anteriores, no início do estudo, ganharam apenas 48 gramas por ano com a dieta. Os que não seguiram a dieta ganharam 261 gramas em média, tanto mulheres como homens.

O que é a dieta do Mediterrâneo

A dieta do mediterrâneo foi criada com base na alimentação usada em países da região do mar Mediterrâneo, como Itália, Grécia, Portugal, Espanha e França, visando uma melhor qualidade de vida através de uma rotina alimentar saudável e que não priorize apenas o controle do peso.  As orientações desta dieta se baseiam na redução do consumo de gorduras ruins e carboidratos brancos.

A carne vermelha, a manteiga e os pães e massas brancas, neste modelo de dieta, encontram-se no topo da pirâmide, que indica o menor consumo. Em compensação, a dieta orienta a ingestão de mais proteínas magras, como peixe, frango e ovos.

Piramide alimentar da dieta do Mediterrâneo

O que a dieta mediterrânea valoriza

  • Carboidratos integrais: como pães, massas, arroz e cereais integrais;
  • Óleos vegetais: como azeite de oliva e óleo de girassol;
  • Frutas e verduras em geral;
  • Oleaginosas: como nozes, castanhas e amendoim;
  • Leguminosas: como feijão, soja lentilha, ervilha, grão de bico;

Fonte: zerohora.clicrbs.com.br, 11/11/2010, adaptado

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*