Faseolamina, do feijão branco ao controle da obesidade e da diabetes

A partir do momento em que a obesidade tornou-se uma epidemia vários produtos surgiram no mercado prometendo um emagrecimento instantâneo, assim como vieram à luz dietas milagrosas e dicas de todos os tipos.

Alguns cientistas dedicaram-se a estudar os alimentos que mais engordam e chegaram aos carboidratos. Os carboidratos são a principal fonte de energia, é preciso que estejam na alimentação, mas seu excesso obviamente engorda.  Pensando nisso, cientistas de todo o mundo começaram a investigar a faseolamina, uma substância extraída do feijão branco.

A faseolamina tem como propriedade inibir a atividade de uma enzima, de nome alfa-amilase humana, que é responsável pela transformação do amido (carboidrato que constitui a reserva energética dos vegetais, sendo encontrado em massas, batatas, arroz, etc) em glicose. Essa enzima, presente na saliva e liberada pelo pâncreas no intestino, atua após a alimentação, durante o processo de digestão, quebrando os amidos ingeridos e convertendo-os nos açúcares da circulação sangüínea, o que irá causar o aumento da glicemia (taxa de açúcar no sangue).   Ocorrendo sua inibição o amido não é digerido nem absorvido, passando diretamente ao intestino, com subseqüente eliminação pelas das fezes.

Esse mecanismo apresenta uma alternativa para as dietas de emagrecimento mais severas e para diabéticos que precisam diminuir a quantidade de açúcar circulante, tendo ação similar à conhecida droga antidiabética de chamada metformina.

Nos Estados Unidos suplementos com faseolamina já são comercializado desde os anos oitenta, sendo utilizáveis no controle da obesidade e do diabetes. No Brasil, produtos à sua base começaram a ser lançados, com características similares ao produto importado. Os resultados do consumo podem ser vistos após 2 meses de uso, em média, e mostram uma perda de peso significativa, com diminuição da circunferência abdominal e melhora da glicemia. São inegáveis os benefícios que proporcionam, pois permitem seguir uma dieta com relativamente maior ingestão de carboidratos sem que estes condicionem  ganho ponderal.

Comumente a faseolamina não provoca efeitos colaterais maiores e os até agora registrados têm sido a diarréia, observada após ingestão de altas doses ou em dietas nas quais o amido predominava, e uma mui ocasional flatulência.

Associação da fasolamina com fitoterápicos

Pode ser associada com outros fitoterápicos para uso com bons resultados no auxílio do tratamento da obesidade. Uma possibilidade, por exemplo, consta de cápsulas com 100mg dela com Caralluma fimbriata (300mg) e Citrus aurantium (100mg ), podendo tomadas de ½ a 1 hora antes das refeições.

A faseolamina é uma substância presente no feijão branco A Caralluma é um cacto indiano que atua no mecanismo da fome, pois envia ao cérebro mensagens de saciedade, diminuindo principalmente a vontade de comer doce. É considerada o melhor fitoterápico inibidor de apetite do mercado, conseguindo reduzir significativamente a circunferência da cintura pela sua ação sobre o peso corpóreo, sendo benéfica no tratamento da obesidade.
Não há registro de efeitos colaterais quando de seu uso.

Já o Citrus aurantium, comercialmente conhecido como Advantra Z, é obtido da laranja amarga, acelera o metabolismo devido a sua ação termogênica, promove um maior gasto de calorias e queima os estoques de gordura. Essa substância liga-se a receptores encontrados no tecido gorduroso, ativando o metabolismo sem interferir no sistema cardiovascular. Melhora o processo digestivo atuando também como desintoxicante hepático.

Além disso, alguns estudos comprovaram que a substância estimula pequena liberação de adrenalina, o que deixa a pessoa mais ativa.   Paradoxalmente (pois a adrenalina faz queimarem-se” proteínas) também deixa os aminoácidos mais acessíveis para a formação das mesmas, o que é indispensável para quem deseja ganhar músculos no corpo.   Outrossim, é dita com propriedades digestivas, melhorando a absorção dos nutrientes e protegendo o estômago. Se obedecidas as doses recomendadas não há conhecimento de efeitos colaterais.


Fonte: tribunadonorte.com.br, Dr.  Jorge Boucinhas , 06/06/2010

One thought on “Faseolamina, do feijão branco ao controle da obesidade e da diabetes

  1. Olá Pessoal,
    Vendo produtos Fitoterápicos que auxiliam na perca de pesos e de gordura,
    Citrus Aurantium
    Caralluma Fimbriatta
    Chá Verde, Vermelho, Branco
    Faseolamina
    Quitosana
    TODAS EM CÁPSULAS!

    qualquer dúvida me mandem um email que irei responder com todo o prazer.
    rycardo.22@hotmail.com

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*