Frescura para comer é um distúrbio alimentar igual a anorexia, dizem psicológos

É muito comum em crianças e cada vez mais frequente em adultos a chamada “frescura para comer”. O que é novo é que psicólogos, americanos, agora colocam a frescura no grupo de distúrbios alimentares semelhantes a bulimia e a anorexia.

Nos Estados Unidos vários psicólogos estão defendendo a ideia de que ter "frescura" para comer é um distúrbio alimentar, como acontece com a bulimia ou a anorexia, embora seus riscos à saúde sejam bem menores. A associação dos psicólogos quer criar uma categoria só pra quem tem esse tipo de comportamento.

Estudiosos das universidades de Duke e Pittsburgh começaram um cadastro nacional para quem sofre de "alimentação seletiva". Eles alegam que a condição não faz bem pra saúde, nem pra vida social.

O americano Bob Krause, por exemplo, evita ficar na casa dos amigos em horários próximos das refeições. Ele morre de medo de ser convidado para comer. Krause tem um site de apoio para os "seletivos" que já conta com 1.400 membros.

Os estudos apontam ainda que os "seletivos" em geral têm preferência por comida mais insossa, de coloração mais clara e sabor mais leve, tipo pizza de muzzarela e massa sem molho.

A preocupação dos psicólogos é que a frescura para comer evolua para distúrbios alimentares bem mais severos como a bulimia e a anorexia, que pode levar a morte.

Frescura para comer pode ser um distúrbio alimentar como a anorexia e a bulimia são

One thought on “Frescura para comer é um distúrbio alimentar igual a anorexia, dizem psicológos

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*