Saúde e emagrecimento, você conhece os alimentos inimigos deles?

Somos bombardeadas diariamente com dicas e regras de como se obter um corpo saudável e em forma. Contudo, essa quantidade de informação pode ser resumida em uma lista, segundo a nutricionista funcional, Patricia Davidson Haiat, de nove alimentos que devem ser evitados, não apenas porque comprometem a perda de peso, como também porque são extremamente tóxicos ao organismo. Segundo a profissional, esses inimigos da saúde devem ser cortados do cardápio ou, ao menos, reduzidos. Veja quais são eles:

Carne processada

Grandes inimigos da saúde cardiovascular, os chamados embutidos possuem uma enorme quantidade de gordura saturada, sal, conservantes e corantes. Além disso, quando absorvidos, produzem substâncias cancerígenas chamadas nitrosaminas.

Pães e massas de farinha branca

Se, por um lado, elevam rapidamente o nível de glicose, por outro induzem a hipoglicemia após um curto intervalo. Para piorar, são pobres em fibras e nutrientes. Faça uma escolha inteligente e consuma alimentos integrais.

Refrigerantes

Além de pobre em nutrientes, a quantidade enorme de glicose dos refrigerantes prejudica a absorção de compostos essenciais como magnésio, zinco e cromo e ainda enfraquece o sistema imunológico, diminuindo, entre outras coisas, sua capacidade de combater o estresse. Para piorar, os refrigerantes são compostos de aditivos químicos que intoxicam o organismo.

Alimentos com pesticidas

A exposição traz sérias consequências à saúde, visto que os resíduos de agrotóxicos se acumulam no organismo. Os malefícios a longo prazo ainda não são muito conhecidos, porém estudos revelam danos ao sistema reprodutivo. Por isso, alimentos orgânicos são os mais recomendados.

Pratos ricos em gorduras ruins (saturadas e trans)

Além de aumentar o nível de colesterol ruim no corpo (LDL), esse tipo de alimento também diminui a concentração do bom, chamado de HDL. O resultado são artérias entupidas e maior possibilidade de enfartes e derrames.

Açúcar

No processo de transformação da cana em açúcar, todos os nutrientes da planta são perdidos. Assim, o produto que consumimos diariamente é rapidamente digerido, elevando o nível de glicose e o acumulo de gordura nas células.

Chocolate

O grande problema do chocolate é sua enorme quantidade de açúcar e gordura saturada. Se você não consegue viver sem um pedacinho, as opções com no mínimo 60% de cacau são as melhores, pois ele é um agente antioxidante.

Comida Fast-food

Elas oferecem uma combinação rica em açúcares e gorduras, inclusive a trans, que, conforme já foi constatado, prejudicam o organismo.

Sal

A dose diária recomendada de sal é de 6g, o consumo acima dessa quantidade pode gerar hipertensão e retenção hídrica. O brasileiro consume em média 12g ao dia.


Fonte: Abril.com.br, Monique dos Anjos, 27/04/2010

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*