Leucemia Linfocítica Crônica

Nesse tipo de leucemia, as alterações em nível de DNA também produzem um crescimento descontrolado das células linfocitárias na medula óssea, levando ao aumento no número de linfócitos no sangue. Esse aumento de células na medula óssea não impede a produção de células normais, como ocorre na leucemia linfóide aguda,…

Leucemia Mielóide Crônica

A leucemia mielóide crônica (LMC) caracteriza-se pela presença de uma anormalidade genética adquirida e que foi chamada de ‘cromossoma Philadelfia’, pois foi descoberta na Universidade da Pensilvânia. Sabe-se que todos os seres humanos possuem 46 cromossomos dispostos em 22 pares numerados de 1 a 22, além dos dois cromossomos sexuais…

Leucemia Linfocítica Aguda

A leucemia linfocítica aguda resulta na produção descontrolada de células sanguíneas de características linfóides e no bloqueio da produção normal de glóbulos vermelhos, brancos e plaquetas. Na maioria das vezes, a causa da LLA não é evidente. Também nestes casos, acredita-se que haja alguma relação com radiação devido ao aumento…

Leucemia Mielóide Aguda

A leucemia mielóide aguda (LMA) caracteriza-se pelo crescimento descontrolado e exagerado das células indiferenciadas chamadas “blastos”. Essas células não apresentam as funções normais dos glóbulos brancos. Além disso, existe um bloqueio na fabricação das células normais havendo deficiência de glóbulos vermelhos (anemia), de plaquetas (plaquetopenia) e de glóbulos brancos (neutropenia).…

Leucemia, o câncer do sangue

O termo leucemia refere-se a um grupo de doenças complexas e diferentes entre si, que afetam a produção dos glóbulos brancos. O sangue é composto do plasma e células em suspensão. O plasma é formado por água, na qual dissolvem-se várias substâncias químicas: proteínas, hormônios, minerais, vitaminas e anticorpos, inclusive…