Tendência a engordar, você sabe se seu filho tem?

A predisposição genética para a obesidade é um fenômeno que envolve a interação de mais de 250 genes. Boa parte dos obesos têm uma alteração em determinado gene (FTO = fator determinante de obesidade), que leva à fome compulsiva e predileção por alimentos de elevado teor calórico.

O meio ambiente, claro, tem um papel muito importante para que o gene se manifeste. Filhos de pais obesos tem 80% de chances de se tornarem gordos, principalmente pelos maus hábitos alimentares e  passados de uma geração para outra.

As chances de uma criança se tornar um adulto obeso aumentam quando:

  1. As mães engordam demais durante a gravidez;
  2. Ao completar um ano, o bebê pesa mais do que o triplo do que tinha ao nascer;
  3. Bebês que dormem pouco ficam mais cansados e fazem menos atividades durante o dia, facilitando o acúmulo de gordura;
  4. Crianças com mais de três anos ficam mais de oito horas por semana na frente da TV;
  5. Aparecem gordurinhas localizadas antes dos quatro anos de idade;
  6. Se os pais são gordos, além da genética com propensão à obesidade, os filhos podem imitar seus maus hábitos;
  7. O alto consumo de alimentos doces e gordurosos faz com que as células de gordura se desenvolvam antes. Hoje, crianças com quatro, cinco anos, produzem um tecido gorduroso que só deveria ser formado aos sete anos;
  8. Essas células vão aumentando de tamanho até que estouram e se multiplicam, o que resulta em ganho de peso. Uma pessoa nunca perde as células de gordura que ganhou ao engordar. Quando emagrece, essas células murcham, mas permanecem no organismo. Se, após conquistar o peso ideal, a pessoa não der continuidade a uma dieta saudável, essas células vão novamente inchar e se multiplicar. Por isso é que é difícil emagrecer e manter-se magro.

Crianças e adultos saudáveis aprendem que:

– Para começar bem o dia deve-se tomar café-da-manhã e respeitar os horários das refeições seguintes, como almoço e jantar.

– Não deve-se beliscar a toda hora nem ficar longos períodos em jejum.

– Seguir uma dieta balanceada não é impossível porque nenhum alimento é proibido. O segredo é a moderação.

– Enquanto frutas e verduras devem ser consumidas diariamente, alimentos mais pesados, como pizza, batata frita e bolo de chocolate devem aparecer no prato só de vez quando.

– Por mais que jogos eletrônicos sejam divertidos, é importante reservar um tempo para a prática de atividades físicas, como andar de bicicleta, jogar bola, dançar, se divertir com os amigos.


Fonte: Donna, Nádia De Toni, 26/03/2010

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*